Prisma – iluminação urbana

O designer Agustin Otegui desenvolveu uma luminária para espaços públicos bastante funcional e prática.

Trata-se da Prisma street light.

O ponto de partida de seu projeto foi a sua inquietação com a rigidez das luminárias existentes. Elas são fixas, iluminam e mal apenas em uma direção. Então, partiu em busca de referências que pudessem ser usadas como base na construção de um novo modelo e encontrou nos prismas exatamente o que precisava.

Com alimentação com energia elétrica, tem painéis de captação de energia solar para alimentar o sistema wireless que faz as movimentações e alterações de intensidade e um globo de LEDs (que também podem ser RGB) especialmente desenvolvido para a peça, além de seus espelhos refletores de alto desempenho, a Prisma garante um alto fluxo luminoso e vida longa aliados à um consumo baixíssimo de energia já que maioria vem do sol.

Do prisma veio a idéia de que, quando jogamos um facho de luz sobre um prisma temos a dispersão de raios de luz em diversas direções. Então, usando deste modelo ele chegou à duas formas básicas: uma com dois fachos (inferiores) e uma com três fachos (2 inferiores e 1 superior).