Senac Santa Cecília promove palestras sobre iluminação

No dia 14/7/2011, o Senac Santa Cecília promove palestras sobre Iluminação, com palestras ministradas pelos profissionais Fernando Prado e Regina Heinrich. O evento é voltado aos profissionais e estudantes das áreas de arquitetura, engenharia e design, como também profissionais do segmento de iluminação.

O objetivo do evento é discutir questões relacionadas ao projeto de iluminação, tendo em vista que os profissionais da área necessitam de atualização constante para aprimoramento da sua formação e atuação no mercado de trabalho.

Veja a programação:

• Às 19 horas – Credenciamento
• Às 19h30 – Palestra Luz e Forma, com Fernando Prado
• Às 20h30 – Intervalo
• Às 21 horas – Palestra Uma visão prática do Projeto, com Regina Heinrich
• Às 22 horas – Encerramento

Confira o perfil dos palestrantes:

Fernando Prado
Formado em Desenho Industrial pela Faap. Em 2002, iniciou sua carreira como designer desenhando produtos para a empresa Lumini, e em 2003 foi convidado a, também, coordenar o setor de produtos da empresa. Em 2007 passou a fazer parte do Conselho Editorial da Revista L+D. Em 2008 foi escolhido para fazer parte da 1ª edição do livro “10 cases do design brasileiro”, Prof. Eddy – Editora Blucher. Conquistou importantes prêmios de 2003 a 2007 e participou de exposições como Designmay em Berlim, Bienal de Design em Saint Etienne, Ícones do design França-Brasil 2009, entre outras. Em 2005 uma luminária desenhada por ele foi imortalizada em um selo dos correios com representante da criatividade do design brasileiro.

Regina Heinrich
Formada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Mackenzie. Vem atuando desde 1982 na área comercial de empresas de destaque no mercado de produtos de design. A partir de 1997, tem se dedicado totalmente ao segmento de iluminação residencial, integrando equipes comerciais de importantes marcas do mercado. Atualmente, gerencia a unidade de São Paulo da Lumini, onde tem treinado equipes e assessorado profissionais do setor em inúmeros projetos residenciais.

Palestras sobre Iluminação

Dia: 14/7/2011, das 19 horas às 22 horas
Preço: R$ 30,00
Auditório do Senac Santa Cecília
Al. Barros, 910 – São Paulo – SP
Tel.: (11) 2178-0200

Inscrições:

http://www.sp.senac.br/jsp/default.jsp?tab=00002&newsID=a18679.htm&subTab=00423&uf=&local=&testeira=369&l=&template=&unit

E-mail: santacecilia@sp.senac.br
www.sp.senac.br/santacecilia

Curso de Iluminação Residencial

É, todo mundo correndo aqui para ver onde vai ter esse curso não é mesmo?

Pois é, recebi esta notícia por e-mail através de um boletim eletrônico e confesso que me deixou bastante irritado.

Reconheço no SENAC uma instituição séria e que merece respeito pela qualidade dos cursos oferecidos em diversas áreas e pelo seu papel social na formação de trabalhadores qualificados (ponto).

No entanto, já ha bastante tempo estou com ele “entalado”. Na verdade desde que o curso superior de Design de Interiores foi eliminado e mantiveram apenas o técnico e a especialização.

Isso para o mercado é péssimo pois os cursos técnicos formam “profissionais” de qualificação duvidosa, bem inferiores aos dos cursos superiores – com raríssimas excessões.

Como se não bastasse isso, agora o SENAC de Jaú resolveu lançar, provavelmente baseado nas diretrizes curriculares Tabajara, o curso de Iluminação Residencial.

Requisitos necessários? Basta estar com o ensino médio em andamento.

Gente, fala sério… Isso já não é nem sacanagem e sim PUTARIA com a cara dos profissionais sérios.

Como se já não bastassem os problemas e dificuldades que enfrentamos dia a dia no mercado onde eletricistas autodidatas oferecem projetos de iluminação para os clientes e os técnicos eletricistas também ( estes ao menos tem algum curso) agora teremos também de competir com gente totalmente desqualificada vendendo “projetos de iluminação residencial” no melhor estilo dos micreiros que disputam o mercado com os designers gráficos?

Na minha turma de pós em Iluminação, tem um bando de arquiteto lá que, depois de 12 meses de curso, ainda não sabem diferenciar os tipos de lâmpadas, imaginem esse povo que vai fazer um curso de – acreditem – 24 horas de duração!!!!

Estão duvidando? Vejam com seus próprios olhos então neste link.

Onde é que esses professores conseguirão enfiar na cabeça – prefiro aqui colocar goela abaixo – desses alunos leigos noções de tudo o que envolve a parte técnica (lampadas e equipamentos, luminarias) + projeto, + estética, + eficiência, + sistemas, + automação, + programa de necessidades, + normas técnicas e mais um monte de elementos que envolvem um projeto de iluminação?

Conhecendo o povo como conheço, jajá estes que se formarem nesse curso de iluminação RESIDENCIAL estarão por aí soltos no mercado vendendo seus projetos de iluminação de lojas e onde mais conseguirem se enfiar vendendo ao cliente algo que não possuem: CONHECIMENTO.

Pra piorar, fui olhar o site do Senac para ver a grade do curso e outras informações e também encontrei um de Iluminação Aplicada ao Paisagismo, com carga horária de…. 21 horas!!!!!

Isso já é um esculacho!!!

Se nos cursos superiores de arquitetura, engenharia, design de interiores que tem – no mínimo nos piores cursos – 60 horas de iluminação os egressos saem quase sem entender patavinas de nada de iluminação além do BE-A-BÁ, imagina nesses de 20 horas…

E não adianta virem aqui reclamar ou chiar com blablablas pois isso é FATO e todos vocês sabem que acontece diariamente. É só ir nas lojas de materiais elétricos e luminárias que encontrarão um monte de vendedores sem formação alguma fazendo e vendendo “projetos de iluminação”. Claro, assim a comissão fica só pra eles e não tem de dividir com arquitetos e designers a poupuda RT.

Acompanho – e faço parte também – diariamente a luta dos profissionais e das associações tentando arrumar o mercado da área da iluminação levando informação séria e correta sobre a mesma. Este é um trabalho árduo já de anos desenvolvida por gente séria como o Valmir Perez (Unicamp), da Jamile Tormann e de tantos outros profissionais além das associações como ABIL, AsBAI, ABriC entre outros.

Mas num país onde artesão é chamado de designer, eletricista de engenheiro elétrico, pedreiro de engenheiro civil podemos esperar o que???

É lamentável e ao mesmo tempo estarrecedor ver instituições sérias como o SENAC prestando este tipo de desserviço à sociedade.

É a visível a fundamentação em apenas dois pontos:

1- ganhar o dinheiro dos alunos

2- fôda-se o mercado, os clientes e a seriedade dos profissionais habilitados e especializados.

Fica aqui o meu protesto com essa falta de respeito e também o alerta aos leitores (clientes):

Exijam a apresentação do diploma de curso superior ou especialização antes de contratar alguém para fazer o seu projeto de iluminação. Isso é sério demais para ser colocado nas mãos de qualquer um.

Também fica o alerta aos parlamentares e aos profissionais sobre a urgente necessidade da regulamentação da área de Iluminação e Lighting Design.

Palestra LAC Philips/Senac – SP

Como vocês já estão sabendo, o LAC da Philips encontra-se de mudança e por isso não estão sendo ofertados cursos neste segundo semestre. No entanto eles estão ministrando palestras junto a IES e associações.

Hoje recebi um informativo da Lume Arquitetura falando sobre uma destas palestras:

PALESTRAS DE ILUMINAÇÃO NO SENAC LAPA TITO

O Senac Lapa Tito, juntamente com o LAC (Lighting Aplication Center) da Philips, realiza em 29 de setembro as palestras:

Princípios Básicos de Iluminação, das 14 às 16 horas

Iluminação Residencial, das 16 às 18 horas.

Entre os temas abordados estão: geração de luz; o que é luz; reflexão; absorção e transmissão; visão; curva da sensibilidade do olho; princípios básicos da luz e pigmentos de cores; e a maneira adequada de iluminar os mais variados ambientes residenciais, abordando também a iluminação decorativa.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site do Senac.

Local: Senac Lapa Tito
Endereço: Rua Tito, 54 – Vila Romana – São Paulo -SP
Data: 29 de setembro
Horário: das 14 às 16 horas e das 16 às 18 horas
Preço: gratuito
Inscrições: www.sp.senac.br
Mais informações: (11) 2888-5500 ou lapatito@sp.senac.br

Agenda:

A seguir tres eventos importantes que vão acontecer até o final do ano:

De 25/8 a 1º/12/2010, o Senac realiza o Design Essencial 2010  em 18 unidades da capital e do interior do Estado de São Paulo. São diversas atividades ligadas ao universo de concepção e produção em design, como exposições, workshops, palestras e encontros com o tema Brasilidade no Design. Mais informações aqui.

De 14/09 a 31/10 de 2010 – Curitiba – Paraná. Maiores informações aqui.

Participe!

Design Essencial – SENAC

38928

O Senac realiza Design Essencial 2009.

Entre setembro e novembro de 2009, o Senac realiza a quarta edição do evento Design Essencial, com foco no tema A Democratização do Design. A escolha do tema baseia-se nas transformações sociais do século 21, que estimulam a criatividade individual e diversificam o design contemporâneo.

O encontro debate a importância da democratização do design, apresentando projetos que incluem todas as classes e setores da sociedade, sem deixar de lado as questões ecológicas, o bom uso da matéria-prima e a melhoria da qualidade de vida.

Entre os palestrantes, estão importantes profissionais da área de arquitetura e design, como Fernando Brandão, arquiteto premiado pelo projeto da livraria Cultura de São Paulo; Christian Ullmann, designer argentino premiado por desenvolver projetos sustentáveis; Marcelo Teixeira, antigo designer da Embraer; Pedro Paulo Franco, designer e proprietário de empresa do setor; e Alessandro Jordão, Kiko Sobrino e Fábio Galeazzo, designers premiados e que participaram da Casa Cor São Paulo 2009.

O evento é realizado em 19 unidades do Senac na forma de exposições, workshops, palestras, encontros e debates sobre o tema. É dirigido a arquitetos, decoradores, designers, designers de produto, empresários da área, estudantes e demais interessados no assunto.

Por enquanto só estão agendados eventos no estado de São paulo (pra variar…). Acesse este link para saber a agenda e locais.